Post publicado por Samuel D
19.02

Hoje (19) aconteceu o julgamento que determinaria a decisão do juri para o pedido de liminar feito por Kesha. No momento, a cantora está processando seu produtor (Dr. Luke) por abuso sexual e psicológico, e ele está processando-a de volta, alegando que ela está mentindo e fazendo isso para se livrar do contrato. Após o adiamento do julgamento, que deveria ter ocorrido em Janeiro, a sessão aconteceu por volta das 14h de hoje. Conseguir a liminar significaria que Kesha estaria autorizada lançar material inédito sem a Sony (gravadora onde Luke trabalha). Inicialmente, uma reporter presente no local anunciou a resposta da liminar como negativa, e ficou nítido que o juri estava favorecendo a Sony. Porém, momentos depois, foi anunciado que o tribunal não havia conseguido chegar a uma conclusão final, solicitando mais detalhes sobre o alegado abuso para averiguar e divulgar o veredicto, que está para ser anunciado em breve, por escrito. Infelizmente, essa informação já foi negada, leia o final do post para mais informações. Confira abaixo relatos de uma reporter e fã clubes que presenciaram o acontecimento:

1. REPÓRTER DO BUZZFEED (@marygeorgant)

“Primeiro o tribunal está discutindo a liminar, na qual Kesha pediu para sair de seu contrato com o Dr. Luke. | O juiz diz que a Sony deu oportunidade a Kesha de trabalhar sem Dr Luke. O advogado dela diz que era uma promessa ilusória. | O advogado de Kesha também disse que, mesmo com a nova oferta da Sony, ‘eles estavam se preparando-a para falhar’  porque eles não iriam promover a música dela. Disse que Sony ficou do lado do Luke. | Juíz: você está me pedindo para presumir que uma entidade como a Sony, que está em uma posição competitiva… não iria querer ganhar dinheiro com o seu investimento. | Kesha está sentada no fundo do tribunal soluçando. A mãe dela está do lado dela. | Advogado da Sony: Nosso interesse não está no sucesso dela. está no sucesso de Dr Luke. Eles não são exclusivos. | O advogado da Sony diz que uma liminar ‘viraria a lei em seu rosto’ [significa ‘usar algo de maneira errada’, em inglês] | O pedido de Kesha pela liminar foi negado. ‘Não há mostra de dano irreparável. Foi dada a ela a oportunidade de gravar. | Kesha cumprimentou e abraçou os fãs que choravam ao lado de fora do tribunal. | Devo esclarecer: Juri requisitou mais detalhes sobre os alegados acontecimentos, incluindo quando e aonde aconteceram.”

 

 

2. FÃ-SITE PRESENTE NO LOCAL (@keshatoday):  

“Não há decisão no caso ainda! Estamos ao vivo no local esperando pelo veredicto! | O juiz não conseguiu chegar a uma decisão hoje. O veredicto está para ser anunciado por escrito. Estamos desapontados mas nós não vamos parar de lutar por ela.”

 

A cantora deixou o tribunal muito triste, mas fez questão de abraçar os fãs que protestavam por ela na rua. Confira todas as fotos e vídeos:

1. KESHA CHEGANDO AO TRIBUNAL:

Kesha chegando ao tribunal

 

 

2. KESHA DEIXANDO O TRIBUNAL:

Kesha deixando o tribunal

  [ATUALIZAÇÃO 1] O próximo julgamento do caso está marcado para 18 de maio, estamos aguardando confirmações da informação. Atualizaremos o post constantemente a cada nova notícia. 

[ATUALIZAÇÃO 2]  Infelizmente a liminar foi negada pelo juiz. A confirmação veio após o fã-clube @keshaTODAY (que anteriormente tinha divulgado que o tribunal não tinha conseguido chegar a uma decisão) ter divulgado o contrário em seu twitter. De qualquer maneira o juri pediu mais informações sobre as alegações de Kesha, as quais serão averiguadas para a decisão do caso. Ou seja, ao que tudo indica, o julgamento marcado para o dia 18 de maio decidirá se Kesha estará livre ou não de Dr. Luke, contratualmente falando. 

Parece que finalmente essa é a situação atual. De qualquer modo, se houver qualquer nova atualização iremos avisa-los. 

 

 

 

 



Twitter



Facebook