[ATUALIZADO] Kesha diz que Dr. Luke está recusando manter seus registros médicos privados | Kesha Brasil

Post publicado por Samuel D
10.10

Na última atualização do caso, Kesha e Dr. Luke brigavam na justiça pelos documentos médicos da cantora. O time do produtor estava pressionando o tribunal para a liberação dos mesmos, porém toda informação trocada entre paciente e terapeuta é protegida por lei e não pode, em hipótese alguma, tomar proporções públicas. Os Advogados de Luke, no entanto, rebateram dizendo que Kesha já tornou o caso público por opção própria, sendo assim Kesha teve que entregar seus registros médicos a equipe do produtor.

Os papéis somam  913 folhas e contém informações dos laudos médicos e psicológicos emitidos em todos os quatro estados pelos quais Kesha se tratou ao longo da última década (Nova York, Califórnia, Illinois e Tennessee), e os advogados de Luke estão se recusando em mantê-los confidenciais. Agora, Kesha está pedindo a juíza do Supremo Tribunal de Nova Iorque para emitir uma ordem de proteção para evitar que os registros sejam divulgados ao público. Os advogados de Kesha dizem que a única intenção do produtor em divulgar os registros de Kesha é constrangi-la publicamente. Luke contratou 25 advogados para revisar documentos irrelevantes.

Uma nova audiência está marcada para 26 de outubro, onde o pedido de proteção deve ser discutido.

ATUALIZAÇÃO:

Apesar de uma audiência estar marcada para dia 26, a juíza Shirley Korneich fez sua decisão na última quinta-feira: Dr. Luke está proibido de divulgar quaisquer informações contidas nos documentos médicos de Kesha. Confira a nota da autoridade:

“Dada a extrema atenção da mídia a este caso, que resultou em ameaças ao tribunal e manifestações, o tribunal considera o pedido de proteção justificável.”

Fonte: BuzzFeed



Twitter



Facebook



Entre no Estilo