Billboard: Kesha não precisa de Dr. Luke e ela está prestes a provar isso estreando em #1 | Kesha Brasil

Post publicado por Samuel D
17.08

Após previsões apontarem que “Raimbow” estreará em #1 na Billboard 200, o tabloide norte-americano publicou um artigo dissertando sobre como Kesha não precisa de Dr. Luke, antigo produtor da artista, acusado de abuso psicológico e sexual. Confira alguns trechos da matéria:

“Agora, o mesmo cara que a impediu-a de lançar o álbum Lipsha com a banda The Flaming Lips, tem que permitir que ‘Let ‘Em Talk’ e ‘Boogie Feet’, duas colaborações furiosas com o Eagles Of Death Metal, duas músicas country, várias baladas e um single promocional feminista sejam lançadas em um álbum que deve se tornar o seu segundo #1. Quase não há sintetizadores eletrônicos ou Autotune no ‘Rainbow’ […] Se Luke gosta disso ou não, a mensagem foi entregue de qualquer forma. Ele pode possuir os direitos de publicação dessas músicas legalmente, mas o mundo sabe que seu tempo controlando Kesha é limitado a extratos bancários e ações judiciais. Kesha possui o ‘Rainbow’, todo o sucesso que vem com ele – incluindo artisticamente, pois é muito provável que seja seu melhor álbum (e certamente o mais aclamado) até o momento – e todos os relatórios indicam que ela mesma é a responsável por isso. Claro, Dr. Luke provavelmente recebe dinheiro com isso. Mas se o ex-produtor fizer uma festa na casa de um cara rico (referência a uma música da Kesha), provavelmente ela ficará mais vazia a cada ano que passar.”

Fonte: Billboard / RDT Pop



Twitter



Facebook



Entre no Estilo