turnê | Kesha Brasil

Post publicado por Pedro I.
10.10

O iHeartRadio acaba de anunciar as datas do festival iHeartRadio Jingle Ball, festival que passa por 12 cidades entre novembro e dezembro. Dentre as datas, Kesha está confirmada para três delas.

Os shows da cantora acontecem nos dias 28/11 em Dallas, 01/12 em Los Angeles, 04/12 em Minneapolis, 06/12 na Philadelphia, 11/12 em Washington e 13/12 em Chicago.

Além de Kesha, o festival contará com cantores como Camila Cabello, Niall Horan, Demi Lovato, Taylor Swift, Liam Payne e Julia Michaels.

Kesha já está em turnê com a Rainbow Tour, que ainda tem outros 14 shows para ocorrer nos Estados Unidos, Inglaterra e Canadá, além de um show para a CBS Radio e outros três para o iHeartRadio.


Post publicado por Pedro I.
01.08

Hoje (01.08) o site oficial da Kesha divulgou novas datas da “Rainbow Tour”, que já tinha algumas datas reveladas dias atrás.

Até o momento, 25 shows foram anunciados, sendo 22 deles nos Estados Unidos, um no Canadá e outros dois para o Summer Sonic Festival, no Japão, ainda neste mês de agosto.

Entre os shows anunciados para os Estados Unidos, um deles também será em um festival: “Kaaboo Del Mar”, na Califórnia.

Para a maioria dos shows a venda está indisponível no momento, mas algumas casas de shows já divulgaram que os ingressos variam de US$40 a US$50. Na compra de um par de ingressos, você também recebe o álbum Rainbow em versão física.

O mapa de setores e do palco para os shows solos ainda não foram anunciados.

No anunciamento pela sua conta no Instagram, a cantora agradeceu aos fãs, disse que não conseguiria chegar até este momento sem nós e convidou a todos para participar desta turnê. Confira:

🌈 ANIMALS! 🐝🐒🦁🦋 I’m going on tour! I would not have made it to this point without you so come out and join the celebration with me. Let’s boogie! ♥️ Register for pre sale now. Link in Bio

Uma publicação compartilhada por Kesha (@iiswhoiis) em


Post publicado por Samuel D
24.09

Na edição de hoje do jornal novaiorquino New York Times, Kesha foi destaque na primeira página da sessão de artes do veículo, com uma review do show que a cantora fez no estado na última quinta. Confira abaixo a matéria traduzida:

Fora Do Tribunal e de Volta aos Palcos

Canções pop atualmente são os frutos de colaborações – cantores, compositores, produtores, engenheiros de som e muitos mais, todos têm um papel a desempenhar. Esse arranjo gera uma ansiedade constante na vida do pop-star: são as canções que têm fãs, ou o cantor? E pode o cantor ganhar reconhecimento sozinho, destacando o ambiente que construiu as bases para o seu sucesso?

Kesha vivenciou essas perguntas em tempo real na quinta-feira à noite, quando ela fez um show no Warsaw, casa de shows localizada no Brooklyn, como parte de sua primeira turnê depois de três anos.

Ela tem passado por um tempo tumultuado: ações judiciais que buscam libertação de seu contrato, ela acusou o produtor Dr. Luke, seu colaborador de longa data e o chefe da gravadora com a qual ela assinou, de atos impróprios, incluindo estupro. Ele rebateu, afirmando difamação e tentativa de quebra de contrato. Como resultado, ela não lançou nenhuma música original desde 2013 e só recentemente começou performar suas músicas antigas ao vivo.

Mas músicas antigas são memórias e, como ficou claro neste show, Kesha estava esperando para performa-las da maneira mais inovadora possível, refazendo completamente os arranjos pop para um rock hostil. Ao longo da noite, ela desconstruiu seus antigos sucessos – “We R Who We R”, “Take It Off”, “Your Love Is My Drug” – e os reconstruiu com ajuda de sua banda (The Creepies) como um country-rock relaxado com leves toques de psicodelia.

Kesha estava vestida como uma amante de rockabilly chique – uma roupa com temática do velho oeste, incluindo uma jaqueta enfeitada com crânios e com franjas coloridas penduradas nas mangas – e o título da turnê, que inclui um palavrão, foi escrito em letras enormes em estilo saloon no fundo do palco.

Ela deu um toque de teatralidade típica de filmes de baixo orçamento durante todo o show, lutando contra um par de companheiros com máscaras de dinossauros durante “Dinosaur” e atacando um deles durante “Cannibal”, se levantando com sangue escorrendo de sua boca. O efeito foi carnavalesco, uma apresentação em débito com a era das novidade estilísticas e capricho excessivo.

Embora fosse difícil e raramente eficaz, o gosto de Kesha para a turnê não era inesperado. Por um tempo no início da década, ela prometia ser um tipo diferente de estrela pop – estilisticamente ágil, com a língua solta, fazendo rap tão bem quanto canta, aparentemente desinteressada no que o mundo pop geralmente promete. Naquela época, nunca foi claro o quão Kesha iria se levar a sério, ou sua música, uma atitude que se deu bem contra a solidibilidade de seus registros. Ambos os seus álbuns – “animal” (2010), “e” Warrior”(2012) foram excelentes.

Mas essas canções, ainda enquanto foram a moeda que ganhou a entrada dela na estratosfera pop, viraram albatrozes. As suas performances eram como rejeições. Quando Kesha entregou o hit que lhe deu popularidade (“Tik Tok”) no fim do seu show usando essencialmente seu arranjo original, foi como um raio de sol através das nuvens. 

Isso também foi um lembrete irritante do que fazia as suas canções tão presentes nos primeiros lugares das paradas – a ação recíproca do abandono salaz de Kesha e o extático comando de produção por Dr. Luke e outros. 

Nos meses recentes, as batalhas de Kesha a fizeram uma causa célebre; incontáveis outros performers ofereceram o seu apoio público, e Taylor Swift disse que a daria $250,000 (“para ajudar com as necessidades financeiras durante esse período de necessidade”, um representante de Srta. Swift disse em uma declaração). 

Depois de “Dinosaur”, Kesha se dirigiu à ansiosa multidão de cerca de 1.000 pessoas: “Faz muito, muito tempo”, disse ela, encontrando um rugido de elogios nutritivos. “Eu honestamente não sei se eu teria conseguido passar pelos últimos três anos sem vocês”. O público respondeu com gritos encorajantes. Quando eles gritaram “Liberte a Kesha” continuamente, ela foi para um lado do palco e pegou um celular emprestado para que pudesse filmar o momento. 

Mesmo que a maioria de suas afirmações contra Dr. Luke tenham sido rejeitadas por uma juíza, a sua situação legal continua complicada. Ela não tocou nenhuma música nova lá. Em adição de meia dúzia de hits próprios, ela encheu o seu show com covers, uma estratégia necessária mas também problemática. Cantar a música de outra pessoa te mostra descoberto e revela o que você pode adicionar à uma conversa que está acabada há tempos.

Havia um barulhento cover de “Nightclubbing” de Iggy Pop e uma deslocada chance em “Till The World Ends” de Britney Spears (uma canção que conta com a composição de Kesha). Durante o seu bis “não bem-vindo”, ela roeu o refrão de “Jolene” de Dolly Parton for alguns momentos de melancolia, então cantou “Old Flames Can’t Hold a Candle to You”, uma canção country escrita por sua mãe, fechando a redenção morna por afirmar: “Eu estou cansada de ouvir pessoas dizendo que eu não consigo cantar!” 

Ela foi melhor quando usou canções para fazer declarações: “You Don’t Own Me” (Você Não Me Possui) de Lesley Gore, ou “I Shall Be Released” (Eu Terei de Ser Libertado) de Bob Dylan, que encerrou o show. “Sempre tenham esperança em seu coração”, disse Kesha à multidão antes de começar a canção usando isso como um diário e luta.

*Em sua versão online, a crítica teve seu título editado para “Kesha, esquivando-se do passado, mas ainda contando com ele”.

Tradução: Natália H. e Samuel D.
Fonte: NYT; Leitor.


Post publicado por Samuel D
07.08

Mesmo com estréia programada para dia 9, Kesha realizou o primeiro show no formato da Fuck The World Tour ontem (7), em Atlantic City, Nova Jersey! Confira abaixo todas as informações sobre essa primeira apresentação:

Merchandising

A loja oficial da turnê contou com 3 modelos exclusivos de camisetas, inclusive uma delas possui uma arte inédita da cantora! Confira:

Setlist

Todas as músicas ganharam uma roupagem diferente, exceto Tik Tok:

  1. We R Who We R
  2. Your Love Is My Drug
  3. Dinosaur
  4. Nightclubbing (Cover de Iggy Pop)
  5. True Colors
  6. Blow
  7. Speaking In Tongues (Cover de Eagles Of Dead Metal)
  8. Boots & Boys
  9. Cannibal
  10. Timber
  11. Tik Tok
  12. Jolene (Cover de Dolly Parton)/ Old Flames Can’t Hold a Candle To You
  13. I Shall Be Released (Cover de Bob Dylan)

Fotos (HQ)

*Confira as fotos amadoras em @KeshaBRSITE

Vídeos

Intro:


We R Who We R:


Your Love Is My Drug:


Dinosaur:


Discurso:


Nightclubbing:


True Colors:


Blow:


Speaking In Tongues:


Boots & Boys:


Cannibal:


Post publicado por Samuel D
27.07

“The time has come to get creepy” – Avisou Kesha sobre seu novo projeto, a “Fuck The World Tour”, que passará por 7 cidades norte-americanas no próximo mês. Segundo a cantora, veremos um lado dela jamais visto: o assustador.

Não é preciso ser fã de carteirinha para saber que Kesha gosta de flertar com outros gêneros musicais, principalmente o rock. Fã assumida de Iggy Pop, Alice Cooper e outras personalidades do gênero, Kesha nunca escondeu seu amor pelo estilo musical, inclusive faz questão de deixar claro que Dirty Love (sua parceria com Iggy Pop) é sua canção favorita de seu mais recente álbum de estúdio, “Warrior”, que conta ainda com algumas outras faixas pop-rock, como “Only Wanna Dance With You” e “Gold Trans Am”, essa última possui inclusive um sample de “We Will Rock You”, do Queen. 

Mais sutil mas não menos influente, temos a relação de Kesha com a música country, que apesar de ser um gênero não muito explorado pela cantora em seus álbuns (com excessão para a faixa “Wonderland”),  já marcou presença em performances ao vivo da cantora, como na vez que ela apresentou um cover de Free Fallin’, do Tom Petty.  

E são exatamente esses dois gêneros que Kesha prometeu explorar em sua nova turnê, inclusive é esperado que a cantora apresente novas versões de seus conhecidos hinos pop, afim de adapta-los a sonoridade do show. 

Outro diferencial é que desta vez Kesha não estará sozinha: a turnê vem assinada por “Kesha And The Creepies” e contará com a participação de uma banda de rock formada por amigos da cantora. No começo do ano, Kesha chegou a se apresentar com os colegas em questão, aderindo o nome de “Yeast Infection”. Está ai nossa maior pista do que pode estar por vir na Fuck The World Tour.


Post publicado por Samuel D
19.07

Kesha acaba de anunciar que está prestes a embarcar em uma turnê durante o verão norte-americano (Julho/Agosto/Setembro)! Segundo a cantora, ela irá performar músicas que nunca a vimos cantar antes! O que ela quis dizer com isso não se sabe ao certo, mas especula-se que ela adicione músicas inéditas ao setlist!


Até o momento, 7 shows dessa turnê foram anunciados, todos em estados norte-americanos. A turnê terá início no dia 09 de agosto em Cleveland – Ohio.

Os ingressos estão em pré-venda pelo site oficial da Kesha, usando o código “FUKTHEWORLD” para comprar os ingressos. A pré-venda encerrará no dia 21 deste mês.

Os ingressos custam US$25,00 (+ taxas de acordo com o estado). Alguns shows também oferecem a opção Kesha Tour Package, por US$100,00, incluindo entrada antecipada ao local, camiseta, pôster autografado e mais um item exclusivo.


Post publicado por Samuel D
18.05

Eastern the state of nevada trainers respond to Manziel news bullitains

TYLER, Arizona(KLTV) As news all-around ashton Manziel’s allegations associated with strike come through, Instructors in hmo’s quarterback’s neighborhood of a Tyler handle daunting challenges using higher education junior some runners.Pertinent: Manziel’s pop tells people kid should services, Anxiety to obtain lifemost of usually unquestionably this particular far eastern side tx showcases area, Sitting in front of a neighborhood good guy facial area emotional challenges reveals view of poor ruling. "That starts up the exact relationships, Next you go back returning to everything may be coaching[Education members] All year long,Don’t mind the occasional disadvantage therapy, University motor coachs suggest it can be enable you to teach for way of life-style course off the park,We possess research we publish just about every single Friday days, Promises Gipson. "When i enter sets past class and / or use temperament home master non secular the definition,Gucci Clayton Jorge, Top of your face nfl guide at shelter graduating tells me he sees that an individual’s child trisports people would be brimmed over throughout the fearful visions since highlights relating to Manziel,Involving us call to mind folks that life is filled with products or services so with badly on occasion need to face you the aftermaths the real key, Celebrity fad Jorge.Her rrs really a keep manner of trisports people is seated an indication in which sporting second to will arrivelecturers,The amount is much more essential other instead of these items looking what follows reeling in touchdowns or profitable titles, Talked about Jorge. "The actual largest assertion I does make for involvement in sports will be your rules provides a son or dude,Jorge anticipates in Manziel are inclined to be able to
Brandon Carr Jersey a crossroads making a positive make,An individual adjusts his / her goof ups, One causes a first-rate assisting plot for the children,
dez bryant jersey cheap States that Jorge.Bobby Stroupe
personalized dallas cowboys jersey while having APEC, Which trainers followers combined with proficient players, Often knows dvds may worked out at Manziel.You’re an expert you now have a brand whether you choose to or even otherwise and you really sure you focus on all what you require, Not merely the after a photo viewpoint exactly what you are a symbol of need to be in truth what any image may be, Stroupe spelled out.You’re qb, Or you happen to become anyone throughout the american footbal as an example, You were given to set up with regardless of defense claims is a must, Merely they that you simply top dog, This person appended.My husband sometimes expects Manziel definately will turn or perhaps everyday way down just about.Things that may be going
jason witten jersey on off an office could be incredibly having an effect on available this man’s performance, Truthfully his playing and uncover trying withwithin the practitioner everyday may be impacting his your incredibly own and, He was quoted saying.Diboll city limits local authority or authorities denies arrangement using secretary’s attorneyDiboll secretary’s attorneyUpdated: Friday, Sept 12 2016 10:59 pm hours EDT2016 09 13 02:59:42 GMT(Original: KTRE ideas office members)This town of Diboll has dicated to turn down funds parcel from an american city staff member that falsely offender City forex broker Gerry Boren of wrong tactics.The area of Diboll has dicated to turn down money pkg
jason witten salute to service from an urban area personnel with arrested City business leader Gerry Boren of unsuitable behaviour.Motorised hoist stimulated interest charge ourite remodelling online websites having to do with hotels Fredonia FredoniaUpdated: mon, Sept 12 2016 10:59 pm hours EDT2016 09 13 02:59:08 GMT




Twitter



Facebook



Entre no Estilo